Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

Mar nenhum

Vou te chamar para dançar
uma música que você não gosta,
numa festa que você não queria estar

pegar suas mãos
e te levar para conhecer um mundo
que você não quer conhecer

apontar as estrelas da noite
que você acha sem graça,
sussurrar ao seu ouvido
uma canção que você não vai escutar

vou te escrever um poema
que você não vai ler,
te levar para ver um filme ruim,
e dividir com você uma comida
que você não quer mais

vou te dizer palavras bonitas,
te contar as coisas mais bobas
que você não se importa

sorrir para você,
te levar para ver o mar,
escrever uma música
que se perderá no vento
e no canto.

Últimas postagens

As cartas não endereçadas - Carta 1

Olhos de mar

Maresia

Noite de cinema

Verde-azul

Encontrar-se

Um poema a ninguém

Indistinto

Um quase prelúdio preso ao vento